Provérbios Turcos

Ao longo da história, a Anatólia, as terras otomanas e a geografia da Turquia ocuparam uma posição importante para os turcos da Ásia Central, Cáucaso, Irã e Rússia. O número de cientistas e homens de cultura não é muito pequeno, que emigraram para a Turquia oriundos das mencionadas geografias turcas, que regressaram às suas terras natais depois de serem aqui educados e que continuaram os seus serviços fixando-se na Turquia. Sem dúvida, a Turquia foi um dos centros importantes do mundo turco e um dos países com a posição de ponto de encontro das grandes figuras turcas.

—-



PROVERBIOS TURCOS:

  • ​​A água corre, a areia permanece; o dinheiro vai, a bolsa fica; o homem morre, o nome permanece.
  • A beleza passa, a sabedoria permanece.
  • A honra é como uma longa estrada sem volta, como um perfume com um cheiro inacessível.
  • A mosca é pequena, mas grande o suficiente para nos deixar doentes.
  • A ovelha separada de seu grupo é capturada pelo lobo.
  • Aos olhos do corvo, seus filhotes parecem falcões.
  • Aquele que se levanta com raiva, fica perdido.
    • Boas palavras abrirão portas de ferro.
    • Café é: Preto como a noite. Forte como o pecado. Doce como amor. Quente como o inferno.
    • Coma e beba com seus amigos, mas não barganhe com eles.
    • Deseje o bem, seja bom.
    • Deus encontra um galho baixo para o pássaro que não pode voar
    • Dois capitães afundam um navio.
    • É mais fácil fazer um camelo pular uma vala do que fazer um tolo descobrir a verdade.
    • Faça o que seu professor diz, mas não o que ele faz.
    • Mil amigos são poucos; um inimigo é demais.
    • Muitas formigas matam um camelo.
    • Não é constrangedor perguntar, é constrangedor não saber.
    • Não fale sobre cordas na casa de um enforcado.
    • O coração resiste quando os olhos não veem.
    • O dono da casa é o servo do hóspede.
    • O galho da árvore deve dobrar quando é novo.
    • O homem é mais duro que o ferro, mais forte que um touro e mais ágil que uma rosa.
    • O pássaro que canta na hora errada morrerá.
    • O que se inflama rapidamente, extingue-se rapidamente.
    • O que um homem tem aos sete anos, ele também é o que tem aos setenta.
    • O vento que o marinheiro deseja nem sempre sopra.
    • O verdadeiro órfão é aquele que não recebeu educação.
    • O vinagre amargo apenas danifica o seu recipiente.
    • Os cães latem, mas a caravana passa.

—-



  • Ouvir centenas de vezes; ponderar milhares de vezes; falar uma vez.
  • Palavras vazias não enchem um estômago vazio.
  • Para cada homem sábio, existe um mais sábio.
  • Pelo amor de uma rosa, o jardineiro é um servo de mil espinhos.
  • Quando o carro quebra, muitos vão te dizer por onde não deveria ter passado.
  • Quem cai não tem amigos.
  • Quem semeia ventos colherá tempestades.
  • Se quem vai orar fica na dúvida entre duas mesquitas, vai acabar não orando.
  • Se a habilidade pudesse ser adquirida observando, os cães seriam açougueiros.
  • Se alguém está longe, também se afasta do coração.
  • Se as orações de um cachorro fossem atendidas, ossos choveriam do céu.
  • Se Deus fecha uma porta, Ele abre mil outras.
  • Se um homem rico cair, é um acidente; mas quando um pobre cai, diz-se que está bêbado.
  • Seja dono de quem não te ama e escravo de quem te ama.
  • Todo mal tem o seu pior.
  • Um convidado chega com dez bênçãos, come uma e deixa nove.
  • Um coração lindo e amoroso nunca envelhece.
  • Um estômago faminto não tem ouvidos.
  • Um grama de falsa vaidade estraga todo um quintal de real mérito.
  • Um homem é muito sábio quanto à sua cabeça, não quanto à sua idade.
  • Um lago é formado gota a gota.
  • Um lutador nunca é derrotado se não se cansa de lutar novamente.
  • Um pato inexperiente mergulha o rabo primeiro.
  • Um solteiro se sente como um sultão.
  • Uma brasa queima onde cai.
  • Uma mão não bate palmas. Duas mãos, sim.
  • Uma pequena chave abre grandes portas.
  • Uma pessoa excessivamente protetora sempre tem infortúnios.
  • Uma xícara de café traz quarenta anos de amizade.

A cultura na Turquia iniciou uma transição marcada da cultura islâmica, durante o período do Império Otomano , para a cultura ocidental a partir das transformações promovidas por Kemal Atatürk . A ocidentalização dos costumes da população é especialmente evidente nas grandes cidades como Istambul e Ancara . Embora a maioria da população professe a fé do Islã , ela é considerada “moderada”, em referência a outras populações de maioria muçulmana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.